Pontas, Quinas e Beiradas

terça-feira, 21 de abril de 2009

333...

O sol nasce e depois se põe,
A chuva chega, molha e depois, tudo se seca novamente.
As lagrimas caem e os olhos se fecham, o corpo se abraça e depois tudo passa e um sorriso se abre...
Tem gente que vem, chega, senta e fica um tempão...
Tem gente que vem, chega com pressa, fica um tempinho e depois se vai... sem nem deixar um bilhetinho...

Tem dias que são feriados,
Tem dias que nos cansam,
Tem noite que nos amedrontam
E manhãs que nos aliviam...
Tem sonhos em que corro sem cansar,
Ou até posso voar...
Mas ai, quando o snho se entorta, uma porta se abre a nada/ninguem sai de lá...

Hoje é feriado,
amanha um dia normal
A metade da semana se passara
enquanto o sol resolve nascer e se pôr, nascer e se pôr, nascer e se pôr...


BY: Jeannine Xavier

Um comentário:

C. Maurício disse...

Ei!
Parabéns pelo blog.

Muito legal esse texto...

Uma vez li em algum lugar que tem dias que o dia custa a passar... a idéia é mais ou menos essa mesmo, no final de contas a única coisa que ainda é fiel e imparcial é o tempo... ele passa pra todos.