Pontas, Quinas e Beiradas

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Abra a janela meu bem,
veja o dia que ja se vai.
Já está tarde, acorde, venha viver o que lhe resta.

Abra seus olhos,
respire fundo,
levante-se e seja feliz.
Você terá poucos minutos.
Sorria,
brinque,
respire seus últimos momentos.

Meu bem...
sua hora está chegando.
Descanse,
pare,
respire fundo.
Feche os olhos.

Seu corpo despenca velozmente,
o impacto é grande...
Seus olhos se abriram,
e você agora parece lamentar.

Foque no céu azul,
ouça os pássaros cantando,
sinta a grama...
...

Vou te enterrar nesse jardim...

2 comentários:

Kiko disse...

Existe um tom maravilhoso nisso tudo, mesmo falando de minutos de vida, oq me assustou um pouco pelo peso do final das palavras. rsrs
Vc é uma das pessoas que conheci e olha que quem ja mudou +ou- 40 vezes conheci um cadim de gente rsrs rsrs. Vc é umas das pessoas Mais livres e cheias de vida que ja conheci, vc deve até sofrer, mas quem te conhece sabe, que quem fez seu sorriso murchar, tem um longo preço a pagar consigo mesmo, de tantas mudanças que passamos de todas elas que ja passei, saber que vc sempre é a mutavel e identica e um braço que te joga no colo da tranquilidade e segurança... do kiko

Jeannine Xavier - ( JEAMX) disse...

Obrigada pelas palavras Kiko...
Me deixou sem...rs...

te adoro mt...
obrigada pela visita e pelo comentario...
^^